FAÇA UMA DOAÇÃO. CLIQUE AQUI!

O Presidente da AVB (Dr. Valdir Leite Queiroz) como Conselheiro Titular da CTPCC – Conselho da Transparência Pública e Combate a Corrupção do Estado de Goiás apresentou em 06 de novembro de 2013 (Vide arquivo nº1 abaixo) a proposta da criação do “Fiscal Voluntário” nos moldes do sistema de combate à corrupção da AVB, criando um link no Portal da Transparência do Governo do Estado de Goiás para que qualquer cidadão consiga acompanhar toda e qualquer despesa do Governo do Estado.

Em 30 de abril de 2014, é criada no CTPCC, uma comissão, presidida pelo Dr. Valdir Leite Queiroz, para apresentar viabilidade técnica e detalhes da proposta do Fiscal Voluntário (vide arquivo nº2 abaixo).

Em 05 de novembro de 2014 é apresentado o relatório final do estudo (Vide arquivo nº03), concluindo pela total viabilidade técnica do projeto (Vide arquivo nº4) e cuja implantação se iniciaria no princípio do ano de 2015.

Em reunião da CTPCC, realizada em 18 de março de 2015 (Vide arquivo nº5), o Conselheiro Valdir Leite Queiroz questiona sobre o não início da implantação do projeto “Fiscal Voluntário” e é informado pelo Presidente do Conselho que este assunto não é prioridade para o Governo prometendo voltar ao assunto em oito meses, ou seja, o combate à corrupção não é prioridade para este Governo.

O Projeto original proposto pelo Presidente da AVB à CTPCC previa, também, que fosse pré-requisito para os estudantes que recebessem bolsa de estudos do Governo do Estado de Goiás, a inscrição como Fiscal Voluntário, pois isso levaria mais cidadania aos jovens, fazendo-os sentirem também responsáveis pelo combate à corrupção.